Blaze Bayley: “Bruce Dickinson Sempre Me Apoiou Quando Eu Estava No Maiden”

Em entrevista para o EMP Live da Espanha, Blaze Bayley falou sobre seu tempo no Iron Maiden e o apoio que recebeu dos fãs e de seu antecessor e sucessor, o vocalista Bruce Dickinson, veja abaixo alguns trechos:

“Acho que todos nós, quando nos apaixonamos por uma banda e uma voz, é muito complicado se adaptar a outra. Eu tive muito apoio dos milhares de fãs de todo o mundo, embora existam até hoje aqueles que me odeiam e odeiam minha voz. Tudo bem, impossível agradar a todos.”

“Meu estilo é muito diferente do Bruce, e quando o Iron Maiden me chamou para entrar no seu lugar eu fiquei surpreso, pois minha voz é muito diferente. Mas foi o trabalho mais incrível do mundo. Como cantor de metal, é provavelmente o emprego nº 1 que você pode ter, ser vocalista do Iron Maiden.

Então, minha paixão e coração estavam lá, e o que fizermos no The X Factor e Virtual XI foi incrível. E as pessoas que talvez não gostaram das mudanças na época hoje, que foi relançado em vinil, ouvem com uma nova perspectiva, e talvez por isto eu seja hoje mais popular que na época em que estava na banda. Hoje, passados mais de 20 anos, as pessoas acompanham o que Blaze Bayley está fazendo.”

“O principal motivo de minha saída do Iron Maiden foi por causa do mercado musical na época e a pressão da EMI (gravadora do Iron Maiden). Estava rolando uma reunião do Black Sabbath com Ozzy (Osbourne), Deep Purple estava com a formação clássica tendo Ian Gillan, e as vendas de CDs começaram a despencar.

Então, as gravadoras começaram a pressionar as bandas para se reunirem. Pra mim foi um período horrível, mas ainda assim é uma época do qual tenho boas lembranças. E Steve Harris foi realmente um mentor e me ensinou muita coisa que eu uso hoje em dia em meu trabalho.”

“Bruce Dickinson e eu éramos amigos desde antes de eu entrar no Iron Maiden, e Bruce me apoiou muito quando eu estava na banda e depois que eu saí. Ele tinha um programa de rádio e sempre ajudava a divulgar meu trabalho. Tenho um vídeo novo, para a música Escape Velocity, que foi filmado em seu simulador de voo. Então ele sempre me ajudou muito.”

Confira no vídeo a entrevista completa em inglês, com legendas em espanhol.

Fonte: Whiplash

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *